sábado, 23 de junho de 2018

Alunos de Besteiras reunidos

Realizou-se este sábado o 3º Encontro de alunos da Escola de Besteiras, na freguesia de Águas Belas.
Este ano reuniram-se cerca de 70 amigos de várias gerações com muitas histórias para recordar. Um encontro que tem servido para  reencontrar companheiros de escola. 
Depois das memórias seguiu-se um almoço convívio na Casa dos Leitões.
Parabéns pela iniciativa.














sexta-feira, 22 de junho de 2018

Minipreço de Ferreira do Zêzere já reabriu

Já reabriu o Minipreço de Ferreira do Zêzere após algumas obras de melhoramentos. Estão agora disponíveis novos produtos, mais espaço de venda e uma nova reorganização dos alimentos.
Parabéns ao casal Marçal e às suas colaboradoras.




Tempo para 10 dias em Ferreira do Zêzere

Já em pleno Verão a chuva tem caído com muita intensidade nas últimas duas noite. A previsão do Instituto do Mar e da Atmosfera para Ferreira do Zêzere indica Sol com algumas nuvens e as temperaturas máximas entre os 26 e os 32º.


quarta-feira, 20 de junho de 2018

Falecimento de Manuel Paiva de Almeida, de Ferreira do Zêzere


Falecimento de Manuel Paiva de Almeida, de Ferreira do Zêzere com 82 anos.
Mais pormenores na Página OBITUÁRIO

Aldeia Segura Pessoas Seguras

"Os grandes incêndios rurais que ocorreram no verão de 2017 em Portugal Continental motivaram a realização de estudos contendo recomendações que foram acolhidas pelo Governo e vertidas em Resoluções de Conselho de Ministros, de modo a materializar as soluções propostas e a permitir agir com vista a prevenir e mitigar os efeitos dos incêndios rurais com resultados imediatos. 
Pretendeu-se, em simultâneo, suscitar um maior envolvimento dos cidadãos, estimulando a participação das populações e reforçando a consciência coletiva de que a proteção e a segurança são responsabilidades de todos e para todos – sendo que tal propósito apenas se torna possível de alcançar quando acompanhado pela adoção de medidas apropriadas a uma redução efetiva do risco dos aglomerados e populações aí residentes. 
Decorre destes pressupostos o programa “Aldeia Segura”, definido na Resolução do Conselho de Ministros nº 157-A/2017, de 27 de outubro, como um “Programa de Proteção de Aglomerados Populacionais e de Proteção Florestal” destinado a estabelecer “medidas estruturais para proteção de pessoas e bens, e dos edificados na interface urbano-florestal, com a implementação e gestão de zonas de proteção aos aglomerados e de infraestruturas estratégicas, identificando pontos críticos e locais de refúgio”. 
A mesma Resolução institui também o programa “Pessoas Seguras”, destinado a promover “ações de sensibilização para a prevenção de comportamentos de risco, medidas de autoproteção e realização de simulacros de planos de evacuação, em articulação com as autarquias locais”, e estipula a criação de “uma rede automática de avisos à população em dias de elevado risco de incêndio, com o objetivo da emissão de alertas para proibição do uso do fogo, bem como outras atividades de risco e ainda medidas de autoproteção, dirigidas para públicos específicos”.
 A concretização deste processo, que atribui especial relevância aos Municípios e Freguesias, de modo a atingir um elevado compromisso social de autoproteção e as necessárias sinergias ao nível das comunidades, só será possível com a liderança do patamar local. Este não é um processo cujas atividades se esgotam num determinado período. A perseverança é vital, no sentido de que as ações aqui consideradas tenham continuidade e entrem nas rotinas de segurança das comunidades.

Proteção aos aglomerados – ações que visem a gestão de zonas de proteção aos aglomerados localizadas na interface urbano-florestal, de modo a reduzir a possibilidade de afetação das edificações por incêndios rurais;
Prevenção de comportamentos de risco – ações de sensibilização destinadas a reduzir o número de ignições causadas por comportamentos de risco associados ao uso do fogo; 14 Aldeia Segura, Pessoas Seguras 01 – Introdução
Sensibilização e aviso à população – ações visando sensibilizar e informar a população acerca do risco de incêndio rural vigente e das condutas de autoproteção a adotar em caso de possibilidade de aproximação de um incêndio rural;
Evacuação de aglomerados – ações destinadas a preparar e executar uma evacuação espontânea ou deliberada de um aglomerado face à aproximação de um incêndio rural; • Locais de abrigo e de refúgio – ações destinadas a selecionar e preparar espaços ou edifícios de um determinado aglomerado para servirem de abrigo (em espaço fechado) ou refúgio (em espaço aberto) durante a passagem de um incêndio rural, nos casos em que tal seja a opção mais viável ou a única possível.

Papel de especial relevo poderá ser o desempenhado pelo Oficial de Segurança Local de cada aglomerado, o qual deverá possuir um conhecimento adequado da realidade geográfica, humana e das estruturas existentes a nível local"
In: Guia de apoio

Para mais informações informe-se na Câmara Municipal de Ferreira ado Zêzere ou Juntas de Freguesia.




terça-feira, 19 de junho de 2018

Passeio sénior de Águas Belas a Aveiro

Realizou-se no passado sábado, dia 16 junho, o passeio sénior organizado anualmente pela Junta de Freguesia de Águas Belas.
Este ano fomos visitar museu e capela Vista Alegre, realizamos um passeio no comboio turístico onde fomos visitar o museu e Sé de Aveiro. 
Fomos recebidos calorosamente para almoço e lanche no restaurante O Garfo em Aveiro.
Foi um dia fantástico, de convívio e alegria.
Agradecemos a todas as pessoas que partilharam este dia.

O executivo da Junta de Freguesia de Águas Belas








Obras encerram Piscina e Pavilhão


O Município de Ferreira do Zêzere informa que em virtude da necessidade da realização de algumas obras de melhoramentos, torna-se necessário proceder ao encerramento dos serviços do Pavilhão Municipal de Ferreira do Zêzere, no período compreendido entre o dia 18 de junho e 15 de agosto e da Piscina Municipal, no período compreendido entre o dia 25 de junho e 31 de agosto de 2018.


segunda-feira, 18 de junho de 2018

Os incêndios de junho de 2017 c/ vídeos

Um ano depois o Região do Zêzere recorda os dias trágicos dos incêndios de junho de 2017 iniciados no dia 17.
Ferreira do Zêzere arde com vídeo

Esta foi uma noite trágica para o concelho de Ferreira do Zêzere.
Passavam poucos minutos das 20h, altura em que começou um incêndio na localidade de Rebelo, freguesia de Ferreira do Zêzere, aparentemente causado por um raio.
A força do vento foi tanta que em menos de 5 minutos já estava junto à localidade do Chão da Serra, circundando as habitações.
Nesta altura já toda a corporação dos Bombeiros de Ferreira do Zêzere estava toda na rua e vinham a caminho corporações de todo o país.
Os helicópteros instalados a 3km nada podiam fazer pois a noite já ia escura.
As chamas dirigiram-se depois para a zona da Mata, e Varela, na freguesia de Ferreira do Zêzere e ainda consome área florestal.
Desconhece-se até ao momento se existem feridos ou outras vítimas e se arderam habitações.
Só com o nascer do novo dia é que se vai perceber a gravidade da situação.