domingo, 6 de agosto de 2017

Domingo

Celebramos hoje a Festa da Transfiguração do Senhor. Somos convidados a subir até ao alto do Monte Tabor. Tabor significa, a Montanha Maior, aí, tudo nos convida a transfigurar a vida e a encontrarmo-nos com o Senhor da Vida. A grandeza do panorama, a amplidão da liberdade da vista, sem obstáculos ou limites, a clareza da luz e o brilho transfigurador do sol, a pureza libertadora do ar. “ Que bom estarmos aqui. Façamos três tendas; uma para Jesus, outra para Moisés e outra para Elias”. Faz-nos falta subir á montanha e encontrarmos tempo para o silêncio contemplativo, faz-nos falta parar para pensar na nossa vida e nos temas grandes da vida. Faz-nos falta, parar, para encontramos convosco Senhor, connosco mesmos, com a palavra de Deus e com os outros com que vivemos e convivemos diariamente.


Senhor, neste início de agosto, ensina-nos a parar e a reflectir. Não permitas que a nossa vida seja somente uma corrida que nos dá a sensação de viver, ainda que o vazio nos cerque de irrealização e desanimo. Senhor ensina-nos a subir á montanha do encontro contigo para vermos melhor , para vermos mais longe , para no Teu abraço percebermos como somos amados e aprendermos a amar com o Teu amor.
D. Francisco de Senra Coelho

In: Rádio Renascença