sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Fundação Maria Dias Ferreira faz hoje 7 anos

 A Fundação Maria Dias Ferreira completou esta sexta feira, 9 de outubro, 7 anos de existência. Foram já muitos os projetos apoiados por esta organização a nível social e cultural.
Muito obrigado por tudo o que já fizeram por Ferreira do Zêzere e aos Ferreirenses.
Parabéns.


"Ao longo destes sete anos, inúmeras iniciativas foram desenvolvidas e/ou apoiadas pela Fundação, com vista a tornar a vida das pessoas de Ferreira do Zêzere mais fácil (por meio de iniciativas no campo social) e mais rica (através de projetos no campo cultural).


Nos projetos realizados os jovens têm sido sempre uma prioridade, através da atribuição de bolsas sociais e de bolsas universitárias, bem como na entrega de diversos prémios de mérito. Investimos na melhoria das condições de estudo e diversão dos jovens no meio escolar. Temos realizado diversos campos de férias onde participam anualmente cerca de uma centena de jovens. Contribuímos para a prevenção do abandono escolar, apoiámos visitas de estudo e estimulámos a participação em atividades de voluntariado na comunidade.




Em relação aos menos jovens, desenvolvemos diversas iniciativas que visam a melhoria do bem-estar e das condições de vida das populações. Promovemos rastreios de saúde e desenvolvemos projetos de apoio na doença. Criámos um banco de ajudas técnicas e apoiámos diversas iniciativas de animação cultural. Instituímos, ainda, serviços de teleassistência a idosos, para uma melhor assistência, segurança e combate à solidão.
No apoio à comunidade, de referir, em 2015, o programa de reabilitação de 6 habitações (cinco casas particulares e o Centro de Dia de Chãos) no concelho de Ferreira do Zêzere, possível através da parceria entre a Fundação Maria Dias Ferreira, a Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere e a associação “Just a Change”.

De salientar também a assinatura de um protocolo entre a Fundação e a Associação Salvador. Quer a Associação Salvador, quer a Fundação Maria Dias Ferreira partilham objetivos de combate à exclusão social e de promoção da autoestima e da qualidade de vida, pelo que acreditamos que uma colaboração mútua pode potenciar a promoção da integração das pessoas com deficiência motora na sociedade, com vista a melhorar a sua qualidade de vida.

Foram também várias as iniciativas realizadas pela Fundação com vista ao registo, à divulgação e ao restauro do património ferreirense. Destaque para a recuperação de várias obras de arte sacra existentes nas igrejas e capelas do concelho e para a digitalização e preservação de imagens e documentos relativos à história desta região.

O apoio às instituições locais tem sido outra das prioridades da Fundação, através da oferta de peças de mobiliário e de dezenas de equipamentos informáticos.
Na área editorial, a Fundação tem desenvolvido uma importante atividade, contando já com várias obras dedicadas à promoção da história e do património concelhio e à divulgação da vida de vultos ferreirenses. Este ano alargou o seu espectro e, com a coleção “Lendas e Narrativas de Ferreira do Zêzere”, procurou agregar, em doze títulos, as histórias, as lendas e os contos mais significativos que existem neste concelho, prosseguindo assim o seu objetivo de divulgação do rico património aqui existente. Após mais de uma dezena de publicações que tiveram como público privilegiado os adultos, esta coleção da Fundação Maria Dias Ferreira, cujos quatro primeiros títulos serão apresentados durante este mês e o próximo, tem como alvo específico as crianças, nas quais se procura estimular a compreensão e a imaginação, ao mesmo tempo que se entretêm e adquirem conhecimentos e valores.
A Fundação prosseguiu também o seu apoio a diversas associações locais.
Mantivemos o princípio de, sempre que possível, desenvolver projetos em parceria com outras entidades, numa complementaridade de valências e esforços que queremos, naturalmente, promover e que tornam o resultado final mais fecundo, agradável e envolvente.

De realçar ainda a utilização crescente das instalações da Fundação por pessoas e organizações que ali encontram um espaço de trabalho, de lazer e de convívio.
Tudo isto só foi possível com o entusiasmo e a dedicação de vários amigos, voluntários, parceiros e colaboradores da Fundação, que não regatearam esforços quando estavam em causa aqueles a quem servimos. A todos os que nos possibilitaram tanto com tão pouco queremos aqui deixar o nosso testemunho de gratidão e o nosso bem-hajam.
Acreditamos que a Fundação, passo a passo, suprindo necessidades, lançando iniciativas inéditas e preservando e valorizando a história e o património do concelho de Ferreira do Zêzere, tem desempenhado a missão para que foi criada, honrando dessa forma a memória de D. Maria Dias Ferreira, a benemérita ferreirense que inspirou a sua criação.
A Fundação Maria Dias Ferreira foi nomeada para os Prémio Talento 2015, iniciativa de referência do jornal Despertar do Zêzere, tendo vencido as categorias “Solidariedade” e “Cultura”, precisamente as duas áreas em que desenvolve as suas atividades.
A Fundação agradece a todos quantos votaram pelo reconhecimento do trabalho que tem vindo a prestar à comunidade nas áreas social e cultural, sabendo que está ainda no início de um longo caminho e com vontade de fazer mais e melhor nos anos que se seguem."

In: Fundação Maria Dias Ferreira