quarta-feira, 9 de outubro de 2013

António Vicente Martins será Vereador da Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere


NOTA DE AGRADECIMENTO
Caros Ferreirenses,

Dirijo-me agora a vocês após reflexão ponderada sobre os resultados eleitorais das eleições autárquicas realizadas no nosso concelho. Não poderia de todo efectuar uma mensagem deste teor em momento imediato após este acontecimento, por considerar que foi algo de bastante significante aquilo que aconteceu ao nosso concelho e na minha vida pessoal. Por isso mesmo, ao saber que as grandes decisões se tomam com muita reflexão, cuidado e equilíbrio optei por esperar este tempo.
As últimas eleições autárquicas ficarão certamente como um marco na história democrática de Ferreira do Zêzere, disso já me têm dado conta as pessoas com quem tenho falado nestes últimos dias. A isso muito se deve não só o meu trabalho e empenho, como o da estrutura partidária que me acompanhou desde o início, o Partido Socialista. O resultado final é bastante positivo: conseguimos colocar os munícipes falar mais de temas estruturantes, de mudanças políticas que o nosso concelho precisa e merece. Pela primeira vez o concelho de Ferreira do Zêzere teve uma campanha eleitoral digna de uma grande cidade, com recurso a meios tecnológicos e mobilização de um grande número de pessoas, e que resultaram numa arruada e da presença de grandes figuras nacionais por cá.
Como sabem, um dos meus slogans era «Vicente a Presidente», que resume o meu objectivo nestas eleições. Como sabemos tal não se sucedeu. Muito embora sabendo que os 2257 eleitores que em mim depositaram confiança foi na perspectiva de me ver como presidente do nosso município, tive que ponderar entre aceitar o cargo de vereador ou não. Antes de prosseguir, quero dizer que ao contrário do que se possa dizer, aceitar o cargo de vereador não é uma obrigação de quem a eleições concorre: as pessoas têm objectivos bem definidos – o meu como já disse era o da presidência. Há casos abundantes de não-aceitação do cargo de vereador na história recente do nosso país, daí que, caso não aceitasse não abrisse nenhum precedente. Ponderei contudo, que a quase metade dos eleitores deste concelho não poderia ficar privada de uma representação política na qual tanto desejaram. As duas forças políticas que fizeram esta campanha estão agora num ponto de equilíbrio que convida à minha presença. Muito embora a minha entrada nesta campanha eleitoral estava assente na necessidade de realizar um plano muito sólido que conciliasse política autárquica e saúde de proximidade, o meu papel de vereador irá necessitar de uma reformulação política também. Quero com isto dizer, que, embora com muita infelicidade de não cumprir o projecto de uma autarquia da saúde, estou disposto a contribuir, para discutir e consensualizar a polarização política em que se encontra a sociedade ferreirense actual.
Contem por isso comigo para o cargo de vereador.
Envio também os parabéns aos vencedores desta campanha. A nível pessoal eu sou um deles, a nível político é o Dr. Jacinto Lopes, que renova o cargo em função. À equipa que mantêm a função governativa desejo as melhores felicidades nas suas funções, podendo contar comigo para o que é melhor para as pessoas e gentes deste concelho.   
Ferreira do Zêzere 08 de Outubro de 2013                            
António vicente Martins