domingo, 8 de setembro de 2013

Domingo

Porque hoje é Domingo, os discípulos de Jesus são convidados a reunir-se em comunidade e a participar na escuta da Palavra e na celebração eucarística.
Ser discípulo significa desejar aprender com o mestre e identificar-se com Ele, nos seus critérios e valores.
No evangelho de S. Lucas (Lc. 14, 25-33), Jesus diz aos seus discípulos: «quem de entre vós não renunciar a todos os seus bens, não pode ser meu discípulo». Num mundo em que se quer ter tudo, os bens materiais podem tornar-se ídolos que aprisionam e nos tiram a liberdade. Depender deles de uma forma desordenada limita-nos a vida. Por isso, o discípulo tem de estar centrado no ser e não no ter, tem de saber partilhar o que tem e assumir com paz o que ainda não consegue ter.
Pedimos-te Senhor, que nos concedais os dons da sabedoria e da fortaleza. Precisamos muitas vezes de distinguir o bem do mal e de discernir o que é mais humano e mais justo e por isso melhor para nós.
O dom da fortaleza fará de nós discípulos fiéis e capazes de permanecer no mundo como «fermento, luz e sal».
Obrigado Senhor porque és um amigo exigente e Te comprometeste a permanecer connosco até ao fim dos tempos.


Pe. Senra Coelho (www.rr.pt)